Itagiba Côrtes recebe título de Cidadão Honorário Patrocinense

A Câmara dos Vereadores de Patrocínio realizou na quarta-feira, 25 de outubro, a Sessão Solene de entrega do Título de Cidadania Honorária.

Esta homenagem é um título de honraria entregue a uma pessoa de importância no contexto de nossa sociedade, que não nasceu no município de Patrocínio, mas que contribuiu ou contribui de qualquer forma para o crescimento do município.  O título é instituído pelas Câmaras Municipais, Assembleias Legislativas, Câmara dos Deputados ou Senado Federal.




ITAGIBA FERREIRA CÔRTES NETO

                                         Engenheiro Agrônomo – Crea: 2993/D




Nome: Itagiba Ferreira Côrtes Neto
Filiação: José Itagiba Côrtes e Rozelmira Ramos Côrtes
Local de Nascimento: Abadia dos Dourados - MG

                  " Mudei-me de Abadia dos Dourados para Patrocínio (MG) com 1 ano de idade, para a zona rural, lugar denominado Boqueirão. Com 6 anos de idade, mudei-me para a casa da Dona Ermelinda Jardim, em Patrocínio-MG, para ser alfabetizado na Escola Erasmo Braga. Com o fechamento da Erasmo Braga, conclui o primário no grupo escolar Honorato Borges. Estudei no colégio Dom Lustosa e fiz parte da 4ª turma do Colégio Agrícola Sérgio de Freitas Pacheco. No ano de 1977, prestei vestibular para agronomia na Universidade Federal de Goiás, cidade onde meus pais já residiam, graduando-me em Engenharia Agronômica em julho de 1982. Nesse período de faculdade, trabalhei em várias propriedades em Goiânia, prestando assistência em lavouras de café como técnico em agropecuária. No período noturno, lecionei matemática e física em vários colégios em Goiânia.
                   Em 1982, retornei à Patrocínio para trabalhar na Planal, empresa que presta serviços para diversos Bancos em nossa região. Trabalhei também como agrônomo na Fazenda Mar Azul, na época cultivando batata, soja, arroz e milho.
                   Em 1987, adquiri uma pequena propriedade na região dos Martins, município de Patrocínio, na qual plantei 7,00 ha de café.
Em 2002/2003, para ampliar minha formação fiz M.B.A. na Fundação Getúlio Vargas em Administração Rural.
No intervalo de 35 anos, fui plantando e adquirindo áreas em nossa região onde, atualmente, planto alho, batata, café, feijão, milho, soja para grãos e semente, sorgo e trigo. Trabalho ainda com gado de corte, prestação de serviços, armazenamento de grãos, importação de sementes e exportação de cebola para todos os países do Mercosul, levando o nome de Patrocínio, além das fronteiras de nosso pais.
Mas o que consegui de mais importante na minha vida foram a amizade e a grande confiança de centenas de colaboradores, alguns há mais de 30 anos batalhando ao meu lado; e a família, que Deus me abençoou, da qual tenho muito orgulho, minha esposa Renata Nunes Paiva, meus quatro filhos, Ítalo Côrtes, João Pedro Côrtes, Matheus Côrtes e Sophia Côrtes; meus irmãos Ilka, Núria, Daniel, Gislene e João Batista; e minha tia, Gislene Côrtes (Gisleninha), que sempre me orientou e foi meu norte. "