Início

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Escritor de Patrocínio, Wilson Mello entra para Rank Brasil

  Em 1 hora e 6 minutos, o escritor mineiro de Patrocínio, Wilson Mello apresentou a obra ‘Guerra Interior’, conquistando em 2015 o recorde de Mais rápido a escrever um livro do último capítulo ao primeiro. O desafio teve a fiscalização online do RankBrasil.
Conforme o recordista, não foi difícil imaginar o final e então produzir o texto literário. “Ao meu ver, elaborar a história a partir do último capítulo é muito mais simples do que pelo método convencional”, diz.
Segundo o autor, todos os seus livros foram feitos mentalmente de trás para frente, antes de sequer começar a primeira linha.
Wilson Mello acredita ter cumprido o desafio com facilidade devido à sua experiência e prática, e não por um possível dom. “Não gosto muito da palavra ‘dom’. Dom é quem nasce sabendo cantar, por exemplo. Uma criança mal aprende a falar e já canta. Isto é dom. A escrita é um processo metódico, o qual requer tempo para aprimoramento, conhecimento e, no meu caso, o desenvolvimento de técnicas”.
O mineiro tem mais de 200 livros publicados, mas nunca pensou sobre contribuir com a Literatura. “Já ouvi histórias de pessoas que não gostavam de ler e passaram a apreciar a leitura após ver algumas das minhas obras. Isso é muito gratificante, é a maior recompensa”, comenta. Segundo ele, escrever é uma necessidade: “Eu apenas escrevo e não tenho essa preocupação de ser um autor de elite”.
Além de escritor, Wilson Mello é jornalista, professor de Língua Portuguesa e de idiomas, editor, revisor profissional e produz roteiros de cinema e TV. Também é palestrante há 15 anos, abordando os temas ‘Superação humana’, ‘Como despertar o interesse dos alunos pelos estudos’ e ‘Como escrever um livro de 100 páginas em 3 horas”.
Longe da atuação profissional, o recordista conta que enquanto pessoa é muito caseiro e introspectivo. “A minha maior diversão é aprender música, flauta, violão, guitarra, piano, desenhar, pintar e passar algum tempo com a minha gata de estimação”, revela.


Para Wilson Mello não foi difícil imaginar o final e então produzir a obra: “Ao meu ver, elaborar a história a partir do último capítulo é muito mais simples do que pelo método convencional” / Foto: Wanderson Leandro de Sousa

Reconhecimento
Conforme ele, o reconhecimento do RankBrasil é um selo de qualidade pelo seu trabalho. “Ser autor no Brasil não é fácil e quebrar recordes, menos ainda. É uma grande honra fazer parte desse rol”, destaca.
Já são cinco recordes, mas o mineiro pretende conquistar muitos outros. “Ser reconhecido pelo trabalho exercido é importante para o currículo de qualquer profissional. Como autor e palestrante, isso agrega valor ao meu ofício”, afirma.

Processo de registro do recorde
O desafio do recorde de Mais rápido a escrever um livro do último capítulo ao primeiro aconteceu em 31 de março, das 13h40 às 14h46. De acordo com regras preestabelecidas, o RankBrasil escolheu o título, os personagens e os temas dos quatro capítulos. O tempo foi cronometrado de forma online.

Primeiramente Wilson Mello recebeu o último capítulo. Quando ele encaminhou o texto correspondente pela internet, obteve o assunto da terceira parte e assim sucessivamente. A equipe responsável pela análise concluiu que a história apresentava todos os itens enviados e tinha conexão. Posteriormente, o escritor mandou a obra impressa para conferência.

Temas e horários de envio dos capítulos - Início do desafio: 13h40
CapítuloTemaHora de envio do tema pelo RankBrasilHora de envio do capítulo pelo autor
Punição13h4014h01
Crime14h0114h14
Traição14h1414h27
Sedução14h2714h46








Redação: Fátima Pires

FONTE: http://www.rankbrasil.com.br/Recordes/Materias/0xuh/Mais_Rapido_A_Escrever_Um_Livro_Do_Ultimo_Capitulo_Ao_Primeiro

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Video : Associados do PTC revindicação retirada do estacionamento rotativo nas mediações do clube

Presidente do conselho deliberativo PTC ( Roberto Correa ) reivindica pedidos dos associados para retirada do estacionamento rotativo nas mediações do Clube aos vereadores (15) de Patrocínio MG 19/05/2015.


Deputado Deiró, preside audiência que discutiu o transporte na Região Metropolitana



  Um único consenso foi resultado da audiência pública realizada nesta terça-feira (19/5/15) pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) sobre o transporte metropolitano na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH): além de usuários, trabalhadores, parlamentares e até mesmo os representantes das empresas e do Governo do Estado admitiram que o sistema está cheio de problemas.

Durante a reunião realizada pela Comissão de Transporte, Comunicação e Obras Públicas, cada categoria e segmento listou os problemas de sua preferência. Os trabalhadores se queixaram, principalmente, da adoção da “monocondução”, ou seja, ônibus rodando sem cobradores, com a tarifa sendo cobrada pelos próprios motoristas. Usuários se queixaram de atraso nas viagens, falta de segurança e problemas na bilhetagem. Insegurança também foi um dos problemas listados pelo representante das empresas de transporte, que também se queixou da pavimentação asfáltica de má qualidade nos trajetos dos ônibus.

Por fim, o representante do Governo do Estado se queixou da herança recebida do último governo, que inclui terminais rodoviários não concluídos e dívidas.

O presidente da comissão, deputado Deiró Marra (PR), elegeu um dos problemas como prioritário: as queixas de usuários e empresas sobre os frequentes assaltos que vêm ocorrendo na estação São Gabriel, em Belo Horizonte. O subsecretário de Estado de Regulação de Transportes, Renato Ribeiro, reconheceu o problema e disse que o governo pretende instalar uma estrutura da Polícia Militar dentro de cada terminal, mas enquanto isso não é possível, ele afirmou que haverá uma ação emergencial em São Gabriel e também na estação Morro Alto, em Vespasiano, com um reforço no policiamento nos terminais e adjacências.

Muitos motoristas e representantes sindicais participaram da reunião e centraram suas críticas na decisão das empresas de eliminar o cobrador em algumas linhas e viagens, principalmente no horário noturno.


ASSCOM - Mauro Henrique / Natanael Diniz com informações do portal da ALMG
Fotos: Sarah Torres

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Homem é morto no Bairro serra negra , Ninguém Sabe, Ninguém Viu

Em Patrocínio, na data 17 de maio de 2015, por volta das 15h45min, após solicitação, os militares compareceram `a Rua Portugal, bairro Serra Negra., onde depararam com a vítima L. P. S., 29 anos,  caída ao solo na posição de decúbito ventral sem os sinais vitais em meio a poças de sangue. Sendo que o local havia sido violado por populares. 

Apesar dos militares terem questionado várias pessoas, ninguém disse ter visto o fato ou prestou qualquer informação à cerca da autoria do crime. 

Após a presença da perícia, constatou-se que havia cinco perfurações na vitima, sendo uma na testa, uma na nuca lado esquerdo, duas no braço lado esquerdo e um no olho lado esquerdo. 

Os ferimentos foram provocados possivelmente por um revólver calibre. 38. Posteriormente, o corpo foi liberado para a funerária de plantão. 

Salienta-se ainda que segundo informações, a vítima estava em uma moto “HONDA TITAN”, de propriedade de um indivíduo conhecido pela alcunha de "MONGE", a qual se encontrava no local dos fatos. Diante o exposto, a motocicleta foi removida para o pátio pelo guincho de plantão. Seguem rastreamentos com o intuito de localizar e prender autores.

sábado, 16 de maio de 2015

Samuel Deolli & Davi se apresentam neste sábado no PTC


Aniversários: PTC 62 ANOS / Empório Country 5 ANOS 

APRESENTAM : Samuel Deolli & Davi

Samuel Deolli, um dos maiores compositores da Atualidade: LOGO EU/NOCAUTE ( JORGE E MATEUS ) - JOGADO NA RUA ( GUILHERME & SANTIAGO ) - 10 ANOS (GUSTAVO LIMA ) se apresenta em dupla com seu irmão Davi no dia 16 de Maio no PTC as 22 HR .

PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS DE RAFAEL VIANNA E MIGUEL LUCATO

RESERVAS DE MESAS NA SECRETARIA DO CLUBE

Deputado Deiró Marra reúne com vice-governador Antônio Andrade para tratar as demandas de Patrocínio


  Na tarde da última terça feira (12), o Deputado Estadual Deiró Marra, Presidente da Comissão de Transporte, Comunicação e Obras Públicas da ALMG esteve presente em audiência com o vice-governador Antônio Andrade na Cidade Administrativa em Belo Horizonte.
Diversos assuntos fizeram parte da pauta com o Vice Governador Antônio Andrade, que fez questão de ouvir atentamente as demandas do parlamentar patrocinense.
Numa conversa bastante salutar, eles alinharam como se dará a relação de Patrocínio e região com o Estado para facilitar o andamento de todos os projetos, inclusive aqueles focados no recapeamento das rodovias, bem como as demais áreas como educação e saúde, e sobre o retorno das obras do Aeroporto Municipal.
Na oportunidade, o Vice - Governador, Antônio Andrade enalteceu o trabalho do Deputado Deiró Marra que tem feito um trabalho contínuo a favor de Patrocínio e região.
Nesse sentido, de forma bastante amigável, o Vice Governador colocou-se a disposição, e afirmou que as demandas serão atendidas, e que atenderá os clamores da população patrocinense.

ASSCOM do Deputado Deiró Marra/ Mauro Henrique / Natanael Diniz





quinta-feira, 14 de maio de 2015

Deputado Estadual Deiró Marra e demais Parlamentares vão discutir obras rodoviárias em Araguari Comissão quer debater a duplicação da LMG-748 e as obras da MG-414, entre Araguari e o Estado de Goiás

 O Deputado Estadual Deiró Marra este presente na reunião desta terça-feira (12/5/15), a Comissão de Transporte, Comunicação e Obras Públicas da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou requerimento de audiência pública para debater, em Araguari (Triângulo Mineiro), as obras de duplicação da LMG-748, que liga a BR-050 à BR-365, e as obras da rodovia MG-414, entre o município e o Estado de Goiás. O requerimento é do presidente da comissão, deputado Deiró Marra (PR).

O deputado Isauro Calais (PMN) também teve requerimento de sua autoria aprovado pela comissão. Ele solicitou audiência pública para discutir a situação de loteamentos urbanos e rurais no Estado que não contam com fornecimento de energia elétrica.

Em sua justificativa, o deputado afirma que, uma vez que os loteamentos foram iniciados de forma irregular, não é possível reunir a documentação necessária para que as concessionárias possam instalar infraestrutura de energia elétrica no local.

Da assessoria do Deputado Deiró Marra/ Site: ALMG

Extrato de Edital para Chamada Pública – Agricultura Familiar

A Caixa Escolar José Eduardo Aquino realiza Chamada Pública nº 02/2015 para Aquisição de Gêneros Alimentícios da Agricultura Familiar, do Empreendedor Rural ou de suas organizações para Alimentação Escolar. Os Grupos Formais e Informais deverão apresentar a documentação prevista artigo 27 da Resolução FNDE nº 26/2013, para habilitação e Projeto de Venda até o dia 08/06/2015, às 13 horas, na Escola Estadual José Eduardo Aquino, localizada na Avenida dos Bálsamos n° 419 – Morada Nova – CEP 38740-000 – Telefone (034) 3831-5830, e-mail: escola.199133@educacao.mg.gov.br. Os quantitativos e gêneros alimentícios estão disponíveis na página da Internet: http://agriculturafamiliar.educacao.mg.gov.br

terça-feira, 12 de maio de 2015

Projeto que obriga ciclista a ter 'CNH' tem parecer favorável na Câmara de BH

Um polêmico projeto de lei recebeu parecer favorável da Comissão de Desenvolvimento Econômico, Transporte e Sistema Viário nesta segunda-feira (11) na Câmara de Belo Horizonte. A proposta nº 1.500/2015, do vereador Daniel Nepomuceno (PSB) quer tornar obrigatório, na capital, a exigência de um curso para ciclistas.
O PL impõe a exigência de capacitação, semelhante para a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) exigida pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), para a condução de carros, motos e outros veículos motorizados.
Só estaria autorizado para circular de bicicleta, aquele que fosse aprovado no curso, de 30 horas, com rendimento e frequência mínima de 75%. A regra valeria para qualquer veículos de propulsão humana, como bicicleta, handbikes e similares. A capacitação seria voltada para a Legislação de Trânsito, Primeiros socorros; Segurança no trânsito; e Cidadania.
A proposta esclarece que o curso seria oferecido, gratuitamente, pela prefeitura, diretamente ou por meio de parcerias e convênios com entidades sem fins lucrativos. Os aprovados receberão um certificado e uma carteira de ciclista que ficarão sob responsabilidade e custo do usuário.
Após a aprovação, a regulamentação caberia à BHTrans, em conjunto com a Secretária Municipal de Educação. Os custos para implantação seriam incluídos no orçamento de BH, no ano seguinte à sanção.
No texto, o vereador Nepomuceno justifica a necessidade da regra, para “equilibrar a relação no trânsito, dando conhecimento das regras de circulação a todos os envolvidos” e visando a segurança no trânsito, devido ao aumento de ciclovias e ciclistas na cidade.
“Os motoristas e os motociclistas, para terem o direito de trafegar com seus veículos nas vias publicas, passam por um processo de formação nas auto-escolas e são submetidos a aprovação pelo Detran. Já os ciclistas, que dividem o mesmo espaço no trânsito, nos logradouros públicos, não recebem qualquer tipo de formação”, afirma no projeto o vereador. 
Rejeição
O membro da Associação de Ciclistas Urbanos de Belo Horizonte (BH em Ciclo) Augusto Schmidt, vê a proposta como absurda. Ele disse que a entidade é contra o PL e vai lutar para ela não ser aprovada ou sancionada.
“Andar de bicicleta é tão simples e não precisa de curso. É bom um certo treinamento, mas é opcional. Essa proposta só vai desincentivar o uso da bike e, com isso, o uso fica mais perigoso, pois haveria menos ciclistas na rua”, considerou Schmidt.
Para o membro da BH em Ciclo, a bicicleta não é igual carro. “Quem causa o perigo nas ruas não é a bicicleta, que é a vítima. O treinamento é necessário para os motoristas de veículos motorizados, pois os maiores devem zelar pelos menores”, afirmou Augusto.
Tramitação
A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Transporte e Sistema Viário é a segunda comissão a aprovar o PL. A Comissão de Legislação e Justiça, que avalia se o que o projeto propõe é constitucional ou não, também deu parecer favorável à regra.
Ainda resta o projeto tramitar em outras comissões, ser analisado e votado, em dois turnos, além de redação final, em plenário. Se aprovado, o PL é enviado para a sanção ou veto da Prefeitura de Belo Horizonte, que pode recusar a proposta. No entanto, os vereadores podem, depois, derrubar o veto do prefeito.

hojeemdia

Deputado Estadual Deiró Marra recebe visita do Delegado de Polícia de Patrocínio.


O Deputado Estadual Deiró Marra, recebeu na manhã dessa segunda-feira (11.05), a visita do delegado de Polícia de Patrocínio, Dr.Caio César Ballerini.

Além da visita de cortesia, Deiró Marra e Dr. Caio César aproveitaram para tratar de assuntos de interesses da categoria Policia Civil de Patrocínio como estruturação e demais demandas.

O delegado Dr Caio César expôs as ações da Polícia Civil, principalmente na área de segurança pública, para reduzir os índices de criminalidade.

Destacou, também, as condições da Polícia Civil e o trabalho dos policiais civis e as principais reivindicações de todas as carreiras policiais.

O parlamentar patrocinense ouviu atentamente as reivindicações e levará estas demandas ao nosso governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel. Nesse sentido, foi uma visita extremamente salutar e que enaltece que o diálogo é a certeza de bons resultados em prol da Polícia Civil e de suas ações a favor do povo de Patrocínio.
ASSCOM - Mauro Henrique / Natanael Diniz