AMAPAR: Deiró luta por diminuição do valor de serviços e apresenta estratégias

   Na tarde desta quinta-feira, os municípios componentes da AMAPAR, através de seus prefeitos, se reuniram na sede da instituição para aprovar as contas do primeiro bimestre e discutir sobre a execução dos contratos de prestação de serviços de iluminação pública nos municípios.
Deiró, que é presidente da instituição abriu a reunião falando da importância de que a instituição esteja recebendo seus repasses rigorosamente em dia, pois desta forma é que a AMAPAR pode ser uma ferramenta para todos os municípios que a compõe, é necessário ter verbas para poder fazer circular os serviços.
Na questão da iluminação pública, o Prefeito de Patrocínio reafirmou que sob hipótese nenhuma existem condições de que nossa cidade e também as outras que compõem a AMAPAR, continuem pagando o valor de mais de sete reais por ponto de iluminação, uma vez que outras empresas já sinalizaram até mesmo com propostas executar o mesmo serviço por quase metade do preço. Assim o Presidente determinou que a instituição entre em contato imediatamente com as prestadoras de serviço para que a questão seja resolvida o mais rápido possível, utilizando do amparo que uma associação de municípios naturalmente tem.
Os prefeitos, ainda iniciaram um estudo para aferir a viabilidade de realizarem licitações em conjunto, para compra de medicamentos e materiais hospitalares, visando atrair pelo volume as empresas fornecedoras dos bens e serviços com um preço menor, ocasionando uma grande economia aos cofres municipais sem deixar de prestar um serviço público de qualidade.

Fonte: 
Prefeitura Municipal de Patrocínio : 
https://www.facebook.com/prefeituradePatrocinio/?hc_ref=NEWSFEED