quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Moradores de Guimarânia estão revoltados com os vereadores da cidade que aumentaram salários de agentes públicos

Segundo o senhor Rennys Alves em correspondência do Patrocínio Online, no mês de abril deste ano, os 9 vereadores da cidade de Guimarânia (MG) aprovaram em uma reunião às escondidas, o aumento dos salários de prefeito para 15.000 reais, vice para 7.500 reais,  dos secretários e dos próprios vereadores para 4.300 reais, mesmo depois do projeto ter sido vetado pela prefeita municipal, Glorinha,  que alegou que o município não teria condições de pagar salários tão altos, e que esse aumento acarretaria em prejuízo à população.
Ainda, segudo  Rennys Alves, esse reajuste ficou engavetado até depois das eleições, e na semana passada veio ao conhecimento da população.
Revoltados com isso os moradores, fizeram um projeto de lei de iniciativa popular, que reduziria os salários de prefeito, vice e secretários para os valores atuais, e reduzia os salários dos vereadores para 1 salário mínimo. A mobilização foi um sucesso, em menos de 3 dias foram coletadas mais de 700 assinaturas, mais do dobro do necessário para levar o projeto a apreciação dos vereadores na reunião desta terça feira (01/11).
Ainda segundo Rennys, o povo foi convocado para comparecer em massa e pressionar os vereadores a aprovar o projeto, porém mais uma vez o descaso com a população. Os senhores vereadores, alegando falta de segurança e ameaças anônimas, simplesmente não apareceram, e a população deu de cara com a porta da câmara fechada. Uma vergonha!, afirma ele.
O povo se manteve reunido e se manifestou, convocando todos os presentes e toda população para comparecer na próxima reunião.
Valores do reajuste:
PREFEITO: DE R$ 8.676,00 PARA R$ 15.000,00 – AUMENTO DE 73%
VICE-PREFEITO: DE R$ 4.972,00 PARA R$ 7.500,00 - AUMENTO DE 51%
SECRETÁRIOS: DE R$ 3.120,00 PARA R$ 4.300,00 - AUMENTO DE 38%
VEREADORES: DE R$ 3.818,00 PARA R$ 4.300,00 - AUMENTO DE 12%
Além disso solicitando o pagamento de 13º salário a todos os cargos acima descriminados nos mesmos valores.
Ainda segundo o denunciante, o  presidente da Câmara Vicente de Paula Dorneles, na data a de 09 de maio, assinou a lei que reajusta os salários do prefeito, vice, secretários e vereadores.  SÓ PRA POPULAÇÃO TER UMA IDEIA, ESSE AUMENTO GERARÁ UM GASTO ADICIONAL AOS COFRES DE NOSSA CIDADE NUM MONTANTE DE R$ 20.000,00 VINTE MIL MENSAIS, se permanecerem apenas 06 secretarias na próxima gestão.  UM GASTO ANUAL DE R$ 240.000,00 ANUAIS.
POL