quinta-feira, 6 de outubro de 2016

MUDANÇAS CLIMÁTICAS TEMA PRINCIPAL DO 24º SEMINÁRIO DO CAFÉ

Hoje (06/10/2016) o principal tema abordado foi como as mudanças climáticas podem influenciar na cafeicultura. 

Nessa quinta-feira (06/10/2016) foi realizado a Mesa Redonda onde abordou os impactos climáticos na cafeicultura, citando os efeitos El Niño e La Niña, geadas, altas temperaturas e demais fatores que interfere na produção do café. O debate teve a participação do Meteorologista Francisco de Assis Diniz – Inmet, Ecofisiologista – Dr. Fábio M. da Matta – UFV e Melhorista de Café Dr. César Elias Botelho – Epamig.   
Francisco de Assis trouxe previsões climatológicas para os próximos meses, abordando principalmente as mudanças comportamentais da Região do Cerrado Mineiro, trazendo dados que comprovam que as temperaturas com o passar dos anos estão aumentando, fazendo com que o produtor se adapte a esses impactos. A previsão para Região do Cerrado Mineiro, referente a chuva, foi positiva, Francisco de Assis informou que está previsto de 40 a 60 milímetros de chuva nos próximos meses.
O Ecofisiologista Dr. Fábio M. da Matta pontuo como os cafezais respondem com as mudanças climáticas e as medidas que os produtores devem tomar, citando o sistema de irrigação, variedade genética e sombreamento, que são medidas para amenizar os efeitos climatológicos.
Dr. César Elias apresentou pesquisas recentes realizadas pela Epamig, sobre variabilidade e melhoramento genético, como os cafezais se adaptam com as altas temperaturas e com o déficit hídrico. A mesa redonda foi mediada pelo técnico do Educampo Sebrae COOPA, Vicente Nunes Jr.
No período da tarde, no painel sobre Pragas x Rentabilidade foi apresentado pesquisa realizada pelo Dr. Aquiles e alunos da Unicerp. Neste mesmo painel, o Dr. Fábio Maximiliano explicou mais sobre o controle do Bicho Mineiro, e em seguida respondeu os questionamentos da plateia.
Na sexta-feira (07), no período da manhã, a programação será voltada para as perspectivas e tendências do mercado cafeeiro, onde a apresentadora do Mercado&Cia Kellen Severo irá mediar o debate.  No período da tarde destacará a agricultura familiar, o papel da mulher na agricultura e as boas práticas na cafeicultura. Haverá também cursos de manutenção preventiva e métodos corretos de lubrificação de maquinas agrícolas. A programação está disponível nowww.seminariodocafe.com.br. A entrada é gratuita. O evento conta com patrocínio da Vale Fertilizantes, apoio do Senai, Fiemg, Sebrae/MG, Emater/MG e mais de 100 empresas expositoras.
 
FÓRUM DE BOAS PRÁTICAS AGRONÔMICAS EM NUTRIÇÃO DO CAFEEIRO
 
Outra novidade para o 24º Seminário do Café será o Fórum de Boas Práticas Agronômicas em Nutrição do Cafeeiro, que irá acontecer amanhã (07). O objetivo do fórum é de abrir espaço para técnicos agrícolas, agrônomos e consultores em cafeicultura que atuam na Região do Cerrado Mineiro de apresentar boas práticas que nas lavouras cafeeiras.
 
Dia: 07/10/2016
Horário: 13:00h
Local: Sala 2 - Arena Cerrado

Programação

13h – Palestra: Nitrogenado Orgânico Liquido – Opção Viável Técnica, Econômica e Ambienta                                                                                                                          
Palestrante: Leslie Cruvinel.
 
13h15 – Palestra: Sinergismo entre Fósforo e Magnésio                                            
Palestrante: Alessandro Guieiro.

13h30 – Palestra: Restruturação Física e Biológica do Solo na Agricultura Moderna.                                                                                                                               
Palestrante: Fabrício Ávila Souza.

13h45 – Palestra: Reciclagem de Resíduos Orgânicos e Minerais Após o Recolhimento do Café do Chão.                                                                                                              
Palestrante: Cleiton Marques da Silva.

14h00 às 14h30 – Debate com a plateia.