Zezito chega para salvar a Patrocinense do rebaixamento. Dá tempo?

radiohoje

 treinador disse que a Patroinense não pode desistir tão cedo.
Luiz Antônio Costa do Esporte Hoje - Rede Hoje
José de Araújo, Zezito, tem uma missão difícil: tentar salvar a Patrocinense do rebaixamento. O time é o lanterna do grupo A, e corre o sério risco de ser rebaixado pela primeira vez na sua recente história, que começou em 2010. 
A Patrocinense conquistou apenas três pontos em 15 possíveis. Tem apenas uma vitória em cinco jogos, fez um gol e levou seis. Os números são realmente ruins. Mas, Zezito ve ainda a possibilidade até de classificação, mas primeiro tem que sair do fundo do poço. Veja entrevista naTV Hoje
Sobre reforços. Zezito pegou a comissão técnica que já trabalhava na Patrociniense. Disse que por enquanto não vai falar de reforços, “primeiro preciso conhecer o time que temos e dos jogadores que estão aqui, só conheço o Iran – lateral – e o Paulão – goleiro”, disse.
Mas, tem uma vantagem, ele conhece bem o elenco do Mamoré. De acordo com Zezito, “vai ser dificil conseguir reforço, pois todas as competições estão em andamento”, explicou. 
Quem é. Zezito é um treinador experiente e vitorioso. Nunca treinou o time grande, de ponta, mas sempre esteve bem nos clubes medianos por onde passou. O último clube foi o Rio Branco do Acre, onde disputou, entre outras competições, a Copa Verde, Série D e a Copa do Brasil em 2016.
Zezito comandou o Rio Branco em 28 partidas oficiais em quatro competições. Foram 12 jogos no Campeonato Brasileiro da Série D 2014, dois na Copa Verde 2015, dois na Copa do Brasil 2015 e outros 12 no Campeonato Acreano desta temporada. O treinador obteve 13 vitórias, sete empates e oito derrotas, com 61 gols marcados e 29 sofridos.
É paulista, mas mora em Poços de Caldas e tem 61 anos.
Em Minas já trabalhou na URT (4 anos), Uberlândia(duas vezes), Uberaba, Social de Fabriano, entre outras. Disse que Minas, foi o lugar que trabalhou menos, “mas trabalhei em mais de 10 clubes aqui”, disse

http://www.radiohoje.com.br/