quinta-feira, 3 de março de 2016

Vereadores de Patrocínio votam para aumentar seus próprios salário $$$$$$$$$$$$$$$$$$

Do orçamento destinado à Câmara Municipal de mais de 8 milhões de reais em 2016, 1,3 milhão será destinado ao pagamento dos vencimentos dos vereadores

Em um momento em que se fala muito em crise, redução de despesas por parte das empresas, sendo que muitas delas para não dispensar funcionários optam pela redução da carga horária e com isso a redução salarial, a Câmara Municipal de Patrocínio aprovou em primeira discussão na última terça-feira, 1º de março, a atualização monetária do subsidio devido aos vereadores em 10,67%.

Com isso o salário dos vereadores saiu de R$ 6.957,26 (a atualização votada em abril de 2015 foi de 6,23% e seguiu o INPC – Índice nacional de Preços ao Consumidor), para R$ 7.699,60.

O vereador recebe durante o ano 12 salários como qualquer trabalhador e o 13º. Somados os salários dos quinze parlamentares do legislativo municipal serão gastos R$ 115.494,00 por mês com os vencimentos. Até o final do ano, contando com 13º salário os atuais vereadores vão custar R$ 1.385.928,00 aos cofres públicos.

Além desse valor, cada vereador tem direito a verbas de gabinete para pagamento de assessores. Do atual orçamento da Prefeitura Municipal (R$ 245.260.000,00), o montante de R$ 8.241.129,00 será para as despesas da Câmara Municipal de Patrocínio. Do valor repassado em 2015, a presidente Marly de Fátima Ávila devolveu mais de 1,6 milhão de reais ao Executivo e o valor foi utilizado para ajudar no pagamento do 13º salário do funcionalismo público municipal.

Em dezembro, a Lei de Diretrizes Orçamentárias foi votada e aprovada com 24 emendas e vários cortes em Secretarias por parte do Executivo Municipal.

Os setores da saúde e educação são os que mais vão receber recursos: R$ 80.172.754,00 para a área da saúde e R$ 45.358.742,00 serão aplicados na educação durante o ano.

Dia News