Calendário x Mundial de clubes

                                     
 A derrota do atlético Mineiro por 3x1 para o raja Casa Blanca nos deixa duas lições que deveriam ser levadas em consideração:
Primeiro que o Atlético precisa entender que não se pode jogar uma final de campeonato sem antes passar pela semifinal.

O time do técnico Cuca subestimou o ultimo campeão marroquino e atual 8 colocado no nacional fazendo um jogo burocrático, medíocre e sem inspiração, com exceção de um lindo chapéu aplicado no meio de campo por Ronaldinho e a cobrança de falta do mesmo R10 no gol de empate do galo, é certo que o time mineiro teve boas chances de marcar, tanto com Jô, numa jogada do uberlandense Lucas Cândido que cruzou rasteiro e o atacante errou na finalização quanto com Fernandinho que por duas ou três vezes pode finalizar a gol.

Segundo, precisamos urgentemente mudar o calendário do futebol brasileiro.
 Quando a equipe mineira venceu a libertadores estavam jogando um futebol empolgante, ofensivo, inspirado e envolvente com jogadas ensaiadas e uma movimentação que quebrava qualquer sistema defensivo. Apos a libertadores, o clube ficou esperando a hora de ir ao mundial, cumprindo tabela e jogando um futebol não inspirador, foram praticamente 5 meses de espera e de esquecimento daquilo que tinha de melhor.

O que acuminou com o vexame que vimos no tarde da ultima quarta feira.
Não tenho duvidas que seria diferente se o mundial acontecesse logo em seguida à final da taça libertadores.

A raja e o Bayer estão na metade da temporada enquanto que o Atlético mineiro estava em final ,quase de férias!