Principais ocorrências da PM em Patrocínio


POSSE ILEGAL ARMA DE FOGO USO PERMITIDO/ASSESSÓRIO DE USO PERMITIDO: Em Patrocínio dia 04 por volta das 08h49min, durante patrulhamento pelo bairro Serra Negra, a Polícia Militar abordou o adolescente T.S.G., de 16 anos, conduzindo uma bicicleta e quando ele percebeu que seria abordado colocou algo na boca, desobedeceu a ordem de parada e tentou correr para o interior da residência dele, porém foi abordado, recusou-se a se postar na posição de busca e nesse momento percebeu-se que ele estava engolindo algo. O abordado foi algemado, apreendido, e de imediato a responsável pelo menor se aproximou e acompanhou todo o desenrolar do BO, em conversa com a genitora do menor, ela disse que o adolescente tem esse comportamento porque é muito agitado. A responsável autorizou realizar uma busca nos pertences do menor e durante buscas foi encontrado uma munição cal .38, uma munição cal.22, e um projétil possivelmente cal .380. O material foi apreendido e o adolescente infrator foi apreendido em flagrante de ato infracional e apresentados a autoridade competente na Delegacia de Plantão.

PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO DE USO PERMITIDO: Em Patrocínio dia 04 por volta das 11h03min  durante os trabalhos do JCC na Escola Estadual Nély Amaral a Polícia Militar foi procurada por um cidadão que não quis se identificar por temer represálias, o qual relatou que 02 estudantes da escola estavam portando uma arma de fogo e munições. Diante da grave denúncia, os dois menores foram conduzidos até a sala da diretoria da escola e após busca pessoal foi encontrado dentro da cueca de um deles uma garrucha calibre .32.  Após parlamentação, o menor de 15 anos, entregou 04 munições calibre .38 e o outro menor de 14 anos, disse que havia comprado a arma pelo valor de R$ 50,00 (cinquenta reais), e quem havia lhe vendido seria um adolescente que reside na Região de Macaúbas.  A Policia Militar deslocou até o local citado pelo menor e localizou o menor R.Q.V. de 17 anos, que teria vendido a arma aos estudantes. Todos os menores envolvidos foram conduzidos para a Delegacia juntamente com a arma e as munições apreendidas. Os responsáveis pelos menores e o conselho tutelar acompanharam a Ocorrência. Quem deve portar arma de fogo são os policiais. Pessoas que portam armas de fogo estão na maioria das vezes querendo praticar delitos. Denuncie via 181 (Disque denúncia unificado) ou 190 caso presencie pessoas portando armas de fogo em vias públicas pois a vítima pode ser você.

TRÁFICO DE DROGAS: Em Patrocínio dia 04 por volta das 19h45min, Durante operação batida policial no bairro São Cristóvão, desencadeada pelo grupamento GEPMOR, militares visualizaram a motocicleta HONDA/FAN 125 de cor preta, placa GZL-3327, ocupada por dois indivíduos, em atitude suspeita, que fizeram menção de parar em uma residência na Rua Pinto Dias, local onde mora um indivíduo que é alvo de diversas denúncias de tráfico de drogas. O condutor da motocicleta ao perceber a  presença dos policiais, arrancou com o veículo, passando um embrulho para o garupa e durante o trajeto tentou se desfazer da substância que carregava, arremessando-a ao solo, sendo neste momento imediatamente abordado. Durante busca pessoal foi encontrado em poder do autor F.R.S. de 30 anos, a quantia de R$ 132,00 (cento e trinta e dois reais) e um celular da marca Samsung e com o menor V.T.F. de 17 anos, a quantia de R$ 72,00 (setenta e dois reais) em dinheiro e um celular da marca Nokia. Verificado o que os abordados haviam dispensado, constatou-se tratar de 21 (vinte uma) pedras de CRACK de tamanho comercial, mais uma pequena porção esfarelada que estava em um invólucro plástico que foi rasgado enquanto tentavam desfazerem da droga. Os militares deslocaram até a residência dos autores, e durante buscas nos pertences dos mesmos foi encontrado um frasco plástico, contendo substância semelhante a ácido bórico, geralmente utilizado para "desdobrar" o CRACK, e na residência do menor nada de ilícito foi localizado. Diante os fatos a motocicleta foi recolhida ao pátio credenciado pelo guincho. Autores foram presos/apreendidos e conduzidos até a delegacia de plantão, juntamente com o material apreendido, sendo o menor acompanhado pelo seu responsável legal. O autor está em liberdade condicional pelo crime de tráfico de drogas e o menor possui passagens pelo mesmo crime, sendo que o menor assumiu a propriedade da droga.

TRÁFICO DE DROGAS: Em Patrocínio dia 04 por volta das 15h15min, a Polícia Militar tomou conhecimento de que havia um mandado de prisão em desfavor do autor E.L.S. de 22 anos, vulgo “Diquinha”. O grupamento GEPMOR desencadeou uma operação no bairro Serra Negra, com o intuito de prendê-lo e no seu decorrer da operação, os militares visualizaram na porta da residência da menor infratora A.C.T.D. de 16 anos, sua namorada, o autor “Diquinha” e este percebendo a presença dos militares evadiu para o interior da residência, sendo localizado debaixo de uma cama e preso. Durante a fuga, o autor dispensou uma sacola plástica contendo vários tabletes de maconha, totalizando 257 gramas, tendo ainda entregue uma arma de fogo para que a menor escondesse. Durante conversa com “Diquinha” este negou estar armado e que teria corrido por saber que existia um mandado de prisão em seu desfavor, porém  depois de alguns minutos de conversa, ele assumiu ter entregue a arma para a sua namorada escondê-la. Foi procedida buscas na residência da menor, onde foi localizado em seu quarto, sob algumas peças de roupa, que estavam em cima de uma cama, um revólver calibre .38 com numeração raspada e municiado com quatro cartuchos intactos. O autor assumiu a propriedade da arma e droga encontradas. Ressalta-se que nos últimos dias ocorreram roubos a estabelecimentos comerciais onde as características de um dos autores são idênticas a do autor, e que a arma apreendida em seu poder pode ter sido utilizada em homicídios ocorridos no bairro Serra Negra. O autor relatou que se não tivesse sido preso iria executar seus rivais, não dizendo quem são. Diante dos fatos a menor foi apreendida por ter escondido a arma e acobertado seu namorado, sendo ele preso em flagrante delito e conduzido até a delegacia de plantão, juntamente com o material apreendido, arma e drogas. A mãe da menor acompanhou toda a ocorrência. Quem deve portar arma de fogo são os policiais. Pessoas que portam armas de fogo estão na maioria das vezes querendo praticar delitos. Denuncie via 181 (Disque denúncia unificado) ou 190 caso presencie pessoas portando armas de fogo em vias públicas pois a vítima pode ser você.