Mulher morre e chefe de grupo de extermínio sobre tentativa de homicídio


A Polícia Militar foi acionada no final da noite desta segunda-feira, 29, onde registrou mais um assassinato em Patrocínio. Segundo as informações da PM, Marcilene Maria Lisboa, 41 anos, natural de Patrocínio e residente no bairro Jardim Europa foi encontrada morta e caída no banco traseiro
de um veículo Celta, placa ETK 9925, que estava estacionado na Rua Chile, bairro Nações. Ela foi alvejada por três disparos que atingiram a nuca, axila esquerda e braço esquerdo.

Sobre uma calçada estava Luciano Vaz de Moura, 27 anos, natural de Patrocínio gritando por socorro e com uma perfuração nas costas e outra na testa. Ele foi socorrido até o pronto socorro municipal de Patrocínio ficando sob os cuidados médicos.

Próximo ao carro das vítimas foi localizado um celular e no interior do carro foram encontrados dois celulares.

Próximo ao local do sinistro foi encontrada uma munição calibre .38. A perícia técnica da Polícia Civil esteve no local e realizou seu trabalho de praxe. A Polícia Civil iniciou os trabalhos de investigação, já que ninguém quis informar sobre o ocorrido.

O que teria sido apurado, foi de que dois elementos saíram de trás de um caminhão e efetuaram os disparos contra o veículo onde se encontrava Luciano e Marcilene.

Leia também: Polícia Civil identifica e prende parte de envolvidos em grupo de extermínio em Patrocínio

Em contato com o inspetor Roberto Lopes, ele informou que Luciano Vaz saiu da penitenciária recentemente. A vítima da tentativa de homicídio seria um dos responsáveis pela série de assassinatos registrados ultimamente no bairro Serra Negra e está sendo investigado. Luciano cumpria mandado de prisão preventivo por tráfico de drogas e teve sua prisão preventiva relaxada. Ele está sob escolta policial e tão receba alta médica será ouvido.

Dia News