PROCON de Patrocínio enfrenta problemas com falta de servidores

O PROCON municipal de Patrocínio divulgou em janeiro a lista com os valores dos materiais escolares praticados na cidade e depois disso não disponibilizou nenhuma outra cotação de preços, principalmente em supermercados.

No ano passado, quando o órgão de defesa ao consumidor possuía um fiscal para fazer as cotações, eram disponibilizadas as listas com os preços, inclusive com a variação de um estabelecimento para outro.

Agora com número insuficiente de servidores, o PROCON não está tendo condições de realizar o mesmo trabalho para que seja disponibilizada a lista com esses valores para ajudar o consumidor a efetuar a compra da cesta básica.

Atualmente no PROCON municipal trabalham apenas três profissionais, sendo duas atendentes e a coordenadora, Dra. Sarlene Soares. Essa falta de servidores prejudica até mesmo a fiscalização em instituições bancárias, principalmente no tempo de atendimento aos usuários dos bancos.

Fonte: Dia News

Postagens mais visitadas deste blog

Neste domingo em Patrocínio aconteceu um mega encontro de praticantes de paintball

Atrações da Expopatrô 2012 está praticamente definido

Comando do Cerrado apresenta esporte novo na cidade