Homem acusa vereador de usar carro da Câmara para vender queijos

Uma guarnição da Polícia Militar compareceu na Câmara Municipal de Serra do Salitre onde um vereador relatou que teria sido vítima de injúria por parte de um homem.

A motivação teria sido a assinatura de um convênio que beneficiava os taxistas daquela cidade, porém os profissionais não teriam ficado satisfeitos e fizeram algumas reivindicações dentro do que foi assinado.

Segundo as informações da Polícia Militar, o autor é pai de outro vereador e estaria apoiando os taxistas. Ele teria ido até a Câmara onde proferiu palavras de baixo calão e ainda acusou a vítima de estar utilizando o carro do Legislativo Municipal de Serra do Salitre para vender queijos na cidade de Uberaba.

 O vereador, vítima de injúria, confirmou ser vendedor de queijos, mas não confirmou se ele estaria mesmo utilizando o veículo oficial.

Dia News